Apresentamos a narração audiodescritiva para a Copa do Mundo da FIFA 2014™ no Brasil

 

Apresentamos a narração audiodescritiva para a Copa do Mundo da FIFA 2014™ no Brasil

As pessoas com deficiência representam pelo menos 12% da população mundial. São mais de 840 milhões de pessoas com deficiência, das quais 285 milhões são cegas ou têm visão subnormal. Até o momento, pouquíssimos locais no Brasil oferecem serviços para pessoas cegas ou com baixa visão que comparecem a eventos ao vivo como jogos de futebol.


Como parte da Estratégia de Sustentabilidade da Copa do Mundo da FIFA 2014TM, a FIFA e o Comitê Organizador Local (COL) pretendem oferecer um novo serviço de narração audiodescritiva em determinados estádios da Copa do Mundo da FIFA no Brasil. Esse serviço vai permitir que mais torcedores com deficiência desfrutem do torneio, além de criar um legado de impacto duradouro após o apito final da Copa do Mundo da FIFA 2014.

 

Estrutura geral do projeto

- O serviço será disponibilizado em português em quatro estádios da Copa do Mundo da FIFA: Belo Horizonte (Estádio Mineirão), Brasília (Estádio Nacional de Brasília), Rio de Janeiro (Estádio do Maracanã) e São Paulo (Arena de São Paulo)

- Dois narradores por jogo
- Narração transmitida por radiofrequência e captada em fones de ouvido individuais
- Torcedores cegos ou com baixa visão podem sentar-se em qualquer lugar do estádio
- Este projeto é um trabalho em conjunto com duas ONGs: o Centro de Acesso ao Futebol na Europa (CAFE) e a Urece Esporte e Cultura, organização brasileira que trabalha com pessoas com diversos tipos de deficiências visuais.


No total, pelo menos 16 voluntários, quatro de cada uma das cidades-sede selecionadas, passarão por um programa de treinamento intensivo de descrição em áudio promovido pelo CAFE e pela Urece, com o objetivo de proporcionar um serviço inovador na região.

 

O equipamento de narração instalado em cada estádio para a Copa do Mundo da FIFA 2014 será doado após a competição às entidades locais dispostas a fazer parte do legado do projeto.


Sobre a audiodescrição
Com frequência, pessoas cegas ou com baixa visão são excluídas de muitos eventos culturais e desportivos aos quais a maior parte da sociedade tem acesso. No contexto de um jogo de futebol ao vivo, a narração audiodescritiva garante que torcedores cegos e com baixa visão tenham uma melhor compreensão do jogo ao qual estão comparecendo e sejam capazes de se divertir mais plenamente ao lado de outros torcedores.


A audiodescrição é semelhante à narração de rádio, mas com ênfase na experiência do estádio. Além disso, o narrador especialmente treinado fornece uma descrição adicional de todas as informações visuais significativas, como linguagem corporal, expressão
facial, entorno, lances, uniformes, cores e qualquer outro aspecto importante para transmitir a aparência e o ambiente do estádio, além do que está acontecendo durante o jogo.


Sobre o CAFE
O Centro de Acesso ao Futebol na Europa (CAFE), criado em 2009, é uma instituição beneficente que tem a finalidade de atingir a igualdade de acesso ao futebol. Usando a influência especial do futebol, o CAFE busca garantir de maneira inclusiva que mais
pessoas com deficiência consigam desfrutar de um jogo de futebol, mostrando que o esporte das multidões abraça a diversidade em todas as suas formas e elevando a conscientização sobre a deficiência e a importância de um bom acesso em toda a sociedade em geral. Recentemente, o CAFE ampliou as suas atividades fora da Europa, em colaboração com a FIFA, e também começa a se envolver com outros esportes.


www.cafefootball.eu/

 

Sobre a Urece
A Urece Esporte e Cultura é uma associação sem fins lucrativos fundada em 2005 e sediada no Rio de Janeiro. A associação é liderada por cegos e oferece esportes, oficinas e projetos especiais para pessoas cegas ou com baixa visão, de todas as idades. Os esportes oferecidos pela Urece são futebol para cegos, goalball, atletismo e natação.

 

www.urece.org.br


Sobre a Estratégia de Sustentabilidade da Copa do Mundo da FIFA 2014
A Copa do Mundo da FIFA é a maior competição internacional de uma única modalidade, e o seu impacto sobre a sociedade e o meio ambiente é incontestável. Ser o palco de um evento de categoria mundial dessa magnitude exige uma análise cuidadosa de todos os aspectos envolvidos, de forma a garantir uma abordagem equilibrada e um resultado sustentável. A FIFA e o Comitê Organizador Local (COL) levam essa responsabilidade muito a sério e estão empenhados em reduzir os efeitos negativos e em aumentar o impacto positivo do evento na sociedade e no meio ambiente.


Para saber mais, acesse: www.fifa.com/csr2014.